Blasphème, ou pas?


Acabei de escutar JGF a dizer algumas coisas sensatas.

Não acha que "Frau Merkel" seja uma ditadora e àqueles que dizem que "gostariam de a ver viver com 500 euros" ele responde que ela deve de ter vivido com muito menos do que isso na Berlim oriental.

Por último afirmou que é uma sorte para os países resgatados que haja hoje uma Alemanha que poupou e que é solidária permitindo-nos ter um efeito de amortecimento dos efeitos de uma bancarrota "pura e dura".

De facto será culpa da Alemanha e da sua chanceler que estejamos tão endividados?


Comentários

Mensagens populares deste blogue

It's Statistics, Stupid

Do or Die!

O que a Malta quer