Mensagens

A mostrar mensagens de Setembro, 2003

A Ponte 25 de Abril e a Teoria dos “Almoços Grátis”

Sentir-se-ão os verdadeiros utentes da Ponte 25 de Abril representados pela auto-intitulada “Associação de Utentes”? Estou bem em crer que não, mormente quando atrás de testas de ferro, à procura dos seus efémeros “quinze minutos de glória”, se escondem muitos figurões políticos da esquerda distrital setubalense mas pouca, para não dizer nenhuma, adesão dos verdadeiros utentes.

Sejamos claros: o que representará para os utentes da ponte a utópica abolição de portagens na ponte? Absolutamente nada!

Para o Erário Público, todavia, significará muitos milhões de contos por ano. Tal facto, tendo em conta a rigidez das contas públicas, as dificuldades orçamentais e o facto de em Portugal persistirem ainda carências a nível social é profundamente imoral.

Por maioria de razão, o argumento de que “não existe alternativa viária”, a ser aceite, implicaria também a abolição da portagem na travessia do Montijo e, à face da engenharia financeira assumida como contrapartida para a sua construção, boa p…